Os adeptos devem voltar a sentir pelas suas equipas uma identidade nacional

Publicado em Atualizado em


O presidente da FIFA diz ter um objectivo que quer ver cumprido até ao dia que irá passar a pasta: quer ver aprovada a lei 6+5.
É o actual cavalo de batalha de Blatter, há muito preocupado com aquilo a que chama de “perda de identidade” dos clubes e consequente “falta de motivação” dos atletas mais jovens. Assim, o presidente da FIFA aproveitou o seu 72.º aniversário – e uma entrevista concedida à agência Reuters – para voltar à carga, defendendo a inclusão obrigatória de (pelo menos) seis jogadores do país do clube em questão mais (pelo menos) cinco jogadores formados nas escolas do respectivo clube. Blatter, com dez anos de casa, quer ver essa lei aprovada até 2012. “Tenho a certeza que o Parlamento Europeu compreenderá que aquilo que estamos a tentar fazer é pelo bem do desporto”, sublinhou, lembrando que a FIFA não pode contar com uma “solução europeia” para um “problema mundial”. “Estamos preparados para lutar por isto. Os adeptos devem voltar a sentir pelas suas equipas uma identidade nacional”, completou Sepp Blatter, eleito presidente em 1998.

Fonte: Público

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s